sexta-feira, 27 de maio de 2016

Brasileirão em Foco: Resumo da Rodada 3

Timão desencanta e bate a Ponte em Itaquera
(foto: Mauro Horita/globoesporte.com)

E lá se foi mais uma rodada do Brasileirão. E essa terceira rodada foi melhor para os paulistas.
Cheio de mudanças, o Corinthians enfim ganhou a primeira na competição, jogando em casa diante da Ponte Preta; Palmeiras também venceu, recebendo o Fluminense.
São Paulo e Santos empataram, fora de casa.

Hora de ver o que aconteceu de melhor na terceira rodada do Brasileirão.



DESENCANTOU!


Enfim, o Corinthians voltou a vencer. Diante de uma Arena lotada, o Timão tinha que mostrar a que veio, uma vez que não vencia há pouco mais de um mês, e não começou o Brasileirão muito bem: empatou sem gols com o Grêmio e perdeu para o Vitória na rodada anterior. Ou seja: precisava bater a Ponte Preta. E foi o que aconteceu.
Para esta partida, o técnico Tite promoveu algumas mudanças: Vilson e Cristian entraram no lugar de Balbuena e Elias, respectivamente, que foram servir suas seleções na Copa América do Centenário; e Luciano entrou na vaga de André, contestado por boa parte da Fiel.
Tite também mexeu no jeito de jogar do time: trocou seu tradicional esquema 4-1-4-1 pelo 4-2-3-1. Resultado: o time ficou mais dinâmico e veloz, e acabou dominando o jogo contra a Macaca.
Aos 14 minutos do primeiro tempo, o zagueiro Kadu, da Ponte, acabou marcando contra, ao tentar cortar um cruzamento de Marquinhos Gabriel.
Bruno Henrique, aos 21 minutos, marcou o segundo, com um chutaço de fora da área; e já no segundo tempo, Guilherme, aos 34 minutos, liquidou a fatura para o Timão.
Vitória maiúscula pra espantar a zica!

Tite comemora um dos gols com seus comandados; técnico fez mudanças
no time para encarar a Macaca (foto: Anderson Gores/Ag. Estado)


RECUPERAÇÃO EM CASA

Quem também se deu bem jogando em casa foi o Palmeiras. Depois de perder para a Ponte Preta em Campinas na rodada passada, o Verdão tinha a chance de se recuperar diante de sua torcida, no Allianz Parque, diante do Fluminense. E não perdeu a chance.
A equipe das Laranjeiras até chegou a ameaçar em alguns momentos com Fred, mas desperdiçou - em um dos lances, o artilheiro tricolor parou em Fernando Prass.
Os gols só saíram no segundo tempo: o zagueiro Vítor Hugo, aos 12 minutos, abriu o placar para o Verdão, com uma cabeçada certeira após cobrança de falta de Dudu; e Alecsandro, um minuto depois, ampliou para o Verdão, em um rápido contra-ataque.
Placar final: 2 a 0 para o Palmeiras.

Alecsandro marcou um dos gols da vitória palmeirense sobre o Flu
(foto: Mauro Horita/globoesporte.com)


FOI BUSCAR!

O São Paulo foi ao Couto Pereira encarar o Coritiba - e, mesmo jogando fora de casa, o Tricolor soube se impor e criou mais chances de gol do que os paranaenses; no entanto, o goleiro Wilson, do Coxa, estava em uma noite inspirada, e fechou o gol.
E de fato, quem acabou abrindo o placar foi a equipe dona da casa, aos 18 minutos do segundo tempo: após cobrança de escanteio, Alan Santos cabeceou para o gol, sem chance de defesa para Dênis.
E quem salvou o São Paulo da derrota foi um jogador que saiu do banco: o atacante Rogério entrou no lugar do lateral Auro, e aos 33 minutos, ficou na cara do gol de Wilson e não desperdiçou.
Final das contas: tudo igual em Curitiba: 1 a 1.

Rogério saiu do banco e salvou o Tricolor da derrota diante do Coritiba
(foto: Rubens Chiri/São Paulo FC)


VACILOU!

Quem deixou a vitória escapar foi o Santos. O Peixe também jogou fora de casa, em Florianópolis, contra o Figueirense.
Os dois times fizeram uma partida bastante tensa e pegada, com muita reclamação dos catarinenses com a arbitragem.
O Santos na primeira etapa foi até superior, mas quem abriu o placar foi o Figueira, aos 37 do primeiro tempo, com Rafael Moura.
O Peixe virou o jogo com dois gols marcados de pênalti: o primeiro ainda no primeiro tempo, com Vitor Bueno, aos 42 minutos; e o segundo já no início da segunda etapa, com Joel, aos 12 minutos.
O gol salvador do Figueirense saiu nos acréscimos com Ermel, que recebeu um cruzamento da esquerda e mandou de primeira, fazendo um golaço.
Final: 2 a 2.

Santos fez jogo nervoso contra o Figueirense, e deixou a vitória escapar
no final (foto: Agência Estado)

Outros Resultados da Rodada


Botafogo 2 x 1 Atlético-PR - Fogão ganhou a primeira em seu retorno à série A do Brasileiro

Flamengo 2 x 2 Chapecoense - e continua a agonia do Mengão...

América-MG 1 x 1 Vitória

Santa Cruz 4 x 1 Cruzeiro - Santa continua firme na briga pela liderança; Grafite marcou dois, e o time pernambucano trucidou a Raposa em casa

Internacional 1 x 0 Sport - Colorado ganhou com gol contra de Renê

Atlético-MG 0 x 3 Grêmio - em pleno Independência, o Tricolor Gaúcho jogou bem, fazendo canja do Galo


FEZ BONITO!

Grafite (Santa Cruz) - Mesmo aos 37 anos, o atacante do Santinha vem mostrando que a idade não pesa. Contra o Cruzeiro, mais uma vez o matador deixou sua marca, e fez dois gols na goleada do Coral por 4 a 1.
Grafite até agora fez seis gols no Brasileiro - dois em cada partida! (meu Cartola agradece...)

Em grande fase, Grafite fez dois gols na vitória do Santa Cruz
sobre o Cruzeiro (foto: Adelson Costa/Pernambuco Press)


DEU RUIM!

Gustavo Henrique (Santos) - O zagueiro santista protagonizou um lance terrível no jogo contra o Figueirense: acertou nada menos do que uma voadora no peito do meia Dudu (um lance digno de MMA; e como disse o narrador Milton Leite, do SporTV, digno também de um boletim de ocorrência), e acabou sendo expulso direto, sem nem tomar amarelo. 

Gustavo Henrique se inspirou em Bruce Lee e virou autor do lance
mais bizarro da rodada (foto: Reprodução/globoesporte.com)


A tabela de classificação do Brasileirão ainda está embolada, mas alguns times já começam a destoar. Dentre os paulistas, o mais bem colocado é o Palmeiras, com 6 pontos e figurando na zona de classificação para a Libertadores; Corinthians e Santos estão com 4 pontos cada, mas o Timão leva vantagem no saldo de gols; e o São Paulo, também com 4 pontos, mas ocupando apenas a 10ª posição.
Quem lidera o campeonato é o Santa Cruz, com 7 pontos.

E a próxima rodada promete! Começam os clássicos regionais - um deles é São Paulo x Palmeiras, que se enfrentam domingo no Morumbi, às 16:00hs; mais cedo, o Corinthians vai a Recife enfrentar o Sport, às 11:00hs; e o Santos recebe o Inter na Vila Belmiro, também no domingo, às 18:30.

E é isso. Mais tarde, farei os posts relacionados ao Cartola. Continuem ligados por aqui e deixem seus comentários!

(Fonte: globoesporte.com)

Nenhum comentário:

Postar um comentário